Jornal O Dia: Ex-The Voice Jullie muda estilo

9j21cqje26tfqmxg5yzu7qdv8

Rio – O combustível que está embalando a cantora Jullie nessa nova fase da carreira não é mais a ‘Gasolina’ que fez ferver seus motores na segunda edição do ‘The Voice Brasil’. Para seu novo álbum, que será lançado em setembro, a artista deixou o pop eletrônico para trás e investiu “em uma pegada diferente”: o folk. Ela se inspirou em John Meyer, começou a compor e a trabalhar seu lado mais poético. No próximo domingo, às 20h, Jullie faz o lançamento do novo clipe ‘Tão’, com show completo na Casa da Gávea.

9j21cqje26tfqmxg5yzu7qdv8

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Cena do novo clipe ‘Tão’, gravado em um barco no canal da Ilha da Gigoia

“O show terá um clima mais intimista, almofadas espalhadas no chão para a galera sentar. Meu novo trabalho é mais acústico, nada muito dançante, está mais poético, mais delicado. A gente vai mudando as referências e descobrindo coisas novas”, conta Jullie. O evento ainda terá as participações de Gugu Peixoto, da banda Playmobille, do ex-‘The Voice’ Nando Motta, Ju Martins e exposição de Franco Kuster, que também participa do clipe fazendo uma pintura que será a capa do disco.

“O clipe foi filmado na Ilha da Gigoia, um lugar que eu adoro. Mostra a gente num barquinho, eu que tive a ideia de fazer ali”, adianta Jullie, de 28 anos. Não é fama a qualquer preço que faz a cabeça dela. A cantora prefere focar num som que ela realmente gosta a fazer coisas comerciais em busca de milhões de fãs: “Não adianta fazer uma música que não me identifico só para ter fama, porque isso passa. Quero um público que se identifique com o meu trabalho.”

d0372e2426duoppleuvqnk7l6meyc

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Jullie com o namorado, Nando Motta: uma parceria que deu certo

Se tem uma coisa que faz Jullie trabalhar ainda mais animada é a parceria com o namorado Nando Motta em seu shows. “Estamos vivendo mil anos em dois meses, começamos a namorar nesse tempo, mas ele é muito parceiro, está amarradão de fazer parte dos meus projetos. A gente fez duas regravações: ‘Me Espera’, do Tiago Iorc com a Sandy, e ‘Eu Preciso Dizer que te Amo’, de Cazuza com Bebel Gilberto, essa com uma pegada mais blues. Também vamos fazer um duo, que intitulamos de ‘Duo Amor’”, explica.

Link da matéria: Jornal O Dia.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *